Minha profissão...

23 de Outubro de 2012

Mãe!!!!!!

Não consegues nem imaginar o que estou a sofrer... a tua ausência ainda recente faz-me sentir a tua presença em tudo o que tu tocavas. Até mesmo este computador no qual escrevo isto era o teu. Mãe procuro ser forte como tu querias mas que faço eu a esta dor tão profunda que está no meu coração. Desculpa que tivesses de sofrer tanto no teu fim e eu não consegui evitar. A tua ultima imagem ficou para sempre gravada em mim e eu não consigo tirar do meu coração. Fostes embora ainda tão novinha e pergunto-te Deus porquê?????????????

28 de Junho de 2012

Pudim Marmore

Pudim Mármore
Ás vezes quando nada apetece fazer mas contudo um docinho até que caía bem depois de almoço então que fazer? Nada mais do que um! Fiz este usando apenas pudins Boca Doce e bolachas torradas partidas miudinhas.
Ingredientes:
3 Pudins Boca Doce de sabores e cores diferentes
1.5 l de leite
2.5 pacotes de bolachas Torrada
3x6 colheres de sopa de açúcar
Em 3 diferentes tachos coloca-se 1  pacote de pudim e 3 colheres de sopa de açúcar e mistura-se com 0.5 l de leite. Vai ao lume mexendo-se sempre para não pegar. Por acaso este tipo de pudim é fácil de pegar ao fundo do tacho. Por isso é preciso ir sempre mexendo. Quando pronto reserva-se e parte-se logo para o outro. Eu fiz ananas, caramelo e de chocolate. Entretanto parte-se miudinho as bolachas depois é só começar a montar o pudim numa forma previamente molhada com água e escorrida. Colaca-se uma camadinha de pudim seguida de bolacha partida, outra de outro pudim e mais bolacha e etc.! Vai ao frigorifico até solidificar e arrefecer. Eu estava com tamanha pressa que enfiei o pudim no congelador. Ficou fresco e muito delicioso mesmo e como diz o anúncio.... Não custa nada!

25 de Junho de 2012

Bolo de Maçã com Canela


Bolo de Maçã com canela
Ora ainda não tinha feito um bolinho de maçã... pelo menos que eu me lembre.
Fiz este em que as medidas foram sem dúvida a olho. Começo a não ter grande paciência para pesar, colocar em tigelinhas todos os ingredientes pesados para depois usar. Desta vez foi com chávenas as medidas e já mais para o fim foi mesmo a olho. E digo-vos, não saiu nada mau e para bolo tão grande.

Ingredientes:
5 maçãs grandes
9 ovos
caramelo liquido q.b.
1chávena de óleo
2 chávena açúcar
3.5 chávena de farinha
2 colher de café de fermento
Sumo de 5 limão + 1 colher de sopa de açúcar
Canela em pó q.b.
raspa de limão q.b.

Pré-aquecer o forno a 180ºC. Untar e polvilhar com farinha uma forma. Eu usei uma rectangular de lados removiveis. Não voltar a usar. Como coloquei caramelo liquido no fundo acabou por sair e sujar-me o forno. Não gostei nada depois de o limpar. Descascar e partir as maçãs em fatias finas para uma taça. Regar com o sumo de limão e salpicar com a colher de sopa de açúcar. Reservar no frigorífico.
Salpiça-se com algumas das tirinhas de maçã. Reservar.

Numa taça, bater muito bem o açúcar juntamente com óleo. Juntar os ovos inteiros e bater novamente. Por fim juntar a farinha e o fermento e envolver até a massa estar homogénea. Colocar metade da massana forma reservada e colocar as fatias de maçã por cima seguida de mais massa e por cima outra camada de maçã ás tirinhas.

Levar ao forno cerca de 45 minutos. Testar a massa com um palito, retirar do forno e polvilhar, ainda quente, com canela.
Soube que nem nozes e olhem que não tinha nada disso....



24 de Junho de 2012

Espamarradinhos de Limão

Esparradinhos de Limão
Dois Limoeiros e é um ver se te avias de limão. Sumos, bolos e diversas mais aplicações do limão... tudo foi feito e no entanto continuamos ainda a ter tantos limões.
Desta vez foi uma tentativa de reproduzir uns bolinhos que tinha o previlégio de comer, sempre as sextas feiras em Santa Cruz de Celas, Coimbra onde tinha o meu quartinho de estudante. Foram tempos de descubertas e bastante complicados. Eram estudos, aulas, exames e muita diversão também. Dizia eu então que a D. Maria, empregada da Senhora Dona Madelena, dona da casa onde eu vivia, fazia sempre para ela, bolinhos de limão para a hora do chá. Eram tão deliciosos que eu sentia o cheirinho deles ainda na rua. Subia logo muito à pressa e lá estavam eles para mim... no meu quartinho do sotão, com uma janela para o céu e os bolinhos... era um final de semana fabuloso.
Então agora que já não existem ambas e que já passaram os tempos de Coimbra lembrei-me dos bolinhos e toca de tentar descobrir como se fazem... por certo devo ter a receita algures, mas sem a encontrar estes são muito parecidos.

Ingredientes:
125 gr de margarina (derretida)
150 gr de açúcar
200 gr de farinha
1 colher de chá de fermento
1 ovo + 1 gema
1 dl de leite
sumo e raspa de 1 limão

Bata o açúcar com a mateiga. Junte o ovo e a gema e bata bem. Acrescente a farinha peneirada e misturada com o fermento. Junte o leite, o sumo e a raspa do limão (~tudo isto fica um pouco para o liquido, dai o nome esparramadinhos).
Unte um tabuleiro e polvilhe com farinha. Deite colheradas de massa no tabuleiro, deixando espaço entre elas para que não se peguem ao crescer. Leve ao forno até estarem corradinhas por baixo. A segunda fornada esqueci-me delas e lá torraram mais um pouco. Acreditem que ficam um miminho acompanhadas com um chá de limão, claro.

20 de Junho de 2012

Os meus meninos...

Tenho de ordenar os albuns de fotografias.
Dantes a coisa até que era fácil. Tiravam-se fotografias sem vermos logo o resultado. Tinhamos que as mandar revelar e no fim as fotografias apareciam em pequenos albuns de cartão já lá colocadas... pelo menos acontecia isto comigo.
Luka

Julie
Agora tiramos milhões de fotografias digitais que se vão acumulando em pastas até que já nem sequer nos lembramos mais delas mas ando agora mesmo numa fase de ordenar as fotografias e encontrei estas... que saudades tenhos deles com este tamanho!

7 de Junho de 2012

Empadão de Frango

Ora viva!! Hoje é feriado... aliás podemos dizer que era uma vez a celebração do Corpo de Deus. Para ano e seguintes, espero que o governo cumpra o que disse, e ser apenas uma ausencia de 5 a 6 anos. Sai para Cascais para dar uma voltinha e cheguei a conclusão que crise mesmo é para os que nada ou pouco têm. Vi restaurantes cheios de gente, muitos carros estacionados  e restaurantes com Ferrarris e Porches... é lindo de se ver mas honestamente, um pouco triste quando existen tantos mas tantos já a passar fome. Fiquei chocada com estas imagens. Cada vez mais ricos e cada vez mais pobres. E lá andamos nós a ver isto...
Desabafos à parte... fiz isto! Empadão de frango assado com arroz branco. Não estava com grande vontade de cozinhar, mas enfim. Quem comeu adorou e repetiu duas vezes dizendo sempre que estava uma delicia.
Empadão de frango com arroz
Ingredientes:
Frango assado desfiado q.b.
1 cebola
2 cenouras as rodelinhas finas
2 beringelas aos cubos
1/2 lata de tomate concentrado
1 caldo knorr natura de frango
azeitonas recheadas q.b.
arroz cozido em água e sal q.b.
1/2 copo vinho branco
1 copo de água morna
azeite q.b.
1 ovo batido
becel cozinha q.b.

Num Wok coloca-se no fundo azeite e a cebola as rodelas fininhas e deixa-se a murchar. Junta-se o tomate em cubinhos, água e o vinho branco. Acrescenta-se as cenouras em rodelas e deixa-se cozinhar. Em seguida coloca-se a beringela e caldo knorr. Deixa-se tapado para cozinhar. Eu pessoalmente não gosto de cozinhar muito as beringelas e mal começaram a ganhar uma corezinha adicionei o frango desfiado. Mexi para envolver os legumes com o frango e desliguei logo o lume.
Num recipiente de ir ao forno barra-se com becel. Deita-se metade do arroz, e despeja-se a mistura de legumes com frango e cobre-se com a outra metade. Calca-se bem. Pincela-se com ovo batido e decorra-se com algumas azeitonas. Leva-se ao forno até o arroz da parte superior criar uma crosta e o ovo ficar douradinho.